VOLTAR PARA O SITE >>>

quarta-feira, 27 de fevereiro de 2013

Função da Casa Espírita

Se nós observarmos o mundo de hoje identificaremos que ele está passando por uma grave crise. As guerras, o terrorismo, a fome, as doenças, a violência, a corrupção e o desequilíbrio ecológico são alguns fatores dessa crise.

Porque o mundo está assim? O que estamos fazendo aqui na Terra? Porque as pessoas agem descontroladamente?

Devido à falta de conhecimento e de evolução. Os seres humanos aprendem, por dois caminhos: pela dor ou pelo amor.

Neste mundo de provas e expiações a casa espírita funciona como um pronto socorro para as dores físicas e morais.

Quando procuramos um pronto socorro?

Quando necessitamos com urgência de atendimento.

No pronto socorro médico, após os primeiros socorros e medicamentos o paciente é encaminhado aos médicos especialistas, e cabe ao paciente vigiar e cuidar da sua saúde, tomandoos devidos cuidados para com ela.

Na casa espírita também recebemos os primeiros socorros, através dos passes e dos trabalhos de desobsessão e orientações de como prosseguir na jornada da vida de uma maneira mais salutar. É através dos estudos e conhecimento da doutrina espírita que caminhamos melhor.

A casa espírita além de um pronto socorro é local de estudos e reflexões sobre as questões da vida sob a luz da filosofia, da ciência e da religião.

Os estudos sobre os princípios espíritas podem nos ajudar a pensar sobre o sentido e o significado da vida, de modo a ampliar o entendimento sobre quem somos e o que somos. Permite o exercício da pesquisa e da construção de respostas que o ajudem a fazer o exercício do livre arbítrio.

Algumas pessoas podem pensar que “lá vem lavagem cerebral”. Essas pessoas ainda não aprenderam que a proposta espírita é que o espiritismo tem cunho filosófico, científico
e religioso. É sempre no sentido de ensinar a pensar e não o que pensar.

Assim quando as pessoas se derem conta que terão que voltar a escolaridade do Planeta Terra (porque não concluímos o curso na escola da vida) em nova oportunidade reencarnatória, mudaremos de opinião, e o mundo melhorará.

Essa conscientização só é possível pela descoberta pessoal. Afinal quem já compreende o livre arbítrio já sabe que não há como impor uma crença a outro. As verdades se revelam no interior do ser à medida que ele olha, pensa, compara, conclui e vivencia suas próprias experiências.

Vivenciar o que?

O que aprendemos aqui, nos livros, nos cursos oferecidos pela casa, ouvindo palestras e exposições.

Vivenciar principalmente a caridade e o amor ao próximo.

Devemos reconhecer e agradecer a oportu nidade de estarmos hoje aqui aprendendo e ajudando materialmente e ou espiritualmente nossos irmão encarnados e desencarnados.

Então as funções da Casa Espírita são:

Pronto socorro – passes e trabalhos de Desobsessão;

Local de estudos e reflexão;

Local onde encontramos a oportunidade de trabalho ao próximo.

Alzira Cazeris

Fonte: Coluna Espírita - Diário de Taubaté

Nenhum comentário:

Postar um comentário